Aplicativos móveis melhoram a saúde mental: estudo

Esses aplicativos são envolventes e se mais pessoas os usam com frequência, isso pode ajudá-los a mudar seu comportamento emocional, disseram os pesquisadores.

saúde mental, saúde psicológica, saúde emocionalUma boa notícia para quem procura recursos baratos para lidar com doenças mentais. (Fonte: Arquivo de Foto)

Indivíduos que sofrem de problemas de saúde mental podem fortalecer seu bem-estar psicológico por meio de aplicativos móveis, afirma um novo estudo. O estudo, publicado na revista JMIR Mental Health, afirmou que as pessoas que lutam com problemas de saúde mental e emocional sentem que não têm controle. As pessoas devem confiar em si mesmas, pois os aplicativos de saúde mental podem ser eficazes ao mesmo tempo.



Nossas descobertas mostram que os aplicativos voltados para a saúde mental e emocional têm a capacidade de mudar positivamente o comportamento, disse Ben Crookston, professor associado da Universidade Brigham Young em Utah, Estados Unidos. Esta é uma ótima notícia para pessoas que procuram recursos baratos e facilmente acessíveis para ajudar a combater doenças e desafios de saúde mental e emocional.



margarida roxa como uma flor com centro amarelo

Os pesquisadores entrevistaram 600 pessoas que usaram aplicativos de dieta, atividade física ou saúde mental nos últimos seis meses, a fim de identificar o que os aplicativos de saúde influenciam no comportamento dos usuários. Os resultados mostraram que aproximadamente 90 por cento das pessoas que usaram aplicativos de saúde mental relataram aumento da motivação, confiança, intenção e atitudes sobre estar mentalmente e emocionalmente saudáveis.



Embora os aplicativos móveis de saúde mental e emocional não estejam entre as abordagens mais tradicionais, eles podem ser uma ferramenta útil para abordar a saúde mental dos indivíduos e aumentar a autoeficiência, observaram os pesquisadores.

tipos de plantas em desertos

O artigo acima é apenas para fins informativos e não se destina a substituir o conselho médico profissional. Sempre procure a orientação de seu médico ou outro profissional de saúde qualificado para qualquer dúvida que possa ter sobre sua saúde ou condição médica.