Dia Mundial da AIDS: História, significado e tema

Dia Mundial da AIDS: Este ano, a OMS está tentando lançar luz sobre o trabalho comunitário que tem efeito positivo no controle da propagação da doença.

HIV AIDS, dia mundial da AIDS, HIV, AIDS, como prevenir o HIV AIDS, por que o HIV acontece, expressão indígena, estilo de vida, hiv sida, bem-estar, saúdeFoi observada pela primeira vez em 1988 e no ano passado completou 30 anos. (Foto do arquivo)

Todos os anos, em 1º de dezembro, pessoas ao redor do mundo comemoram o Dia Mundial da AIDS para lembrar aqueles que perderam suas vidas devido a doenças relacionadas à síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS). É também o dia em que as pessoas se reúnem para aumentar a conscientização na luta contra o HIV. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a união das pessoas ajuda positivamente no controle. O relatório diz que, dos 37,9 milhões de pessoas vivendo com HIV no final de 2018, 79 por cento fizeram o teste, 62 por cento receberam tratamento e 53 por cento alcançaram a supressão do vírus HIV com risco reduzido de infectar outras pessoas.

Foi observada pela primeira vez em 1988 e no ano passado completou 30 anos.



flores brancas com centros roxos

Este ano, a OMS está tentando lançar luz sobre o trabalho humanitário que teve um efeito positivo no controle da propagação da doença. Ao mesmo tempo, busca chamar a atenção das pessoas em todo o mundo, a fim de criar um sistema de atenção primária à saúde mais robusto.



Dia Mundial da AIDS: coisas essenciais que você precisa saber



A AIDS é considerada o estágio mais avançado do HIV. No entanto, não é transmitida por meio de abraços, compartilhar comida, beijar ou apertar as mãos. Um dos motivos mais comuns é a troca de fluidos corporais. O HIV pode ser transmitido através do sangue, sêmen, secreções vaginais e leite materno e, portanto, é melhor ter um modo de prevenção. Uma maneira é evitar ter múltiplos parceiros sexuais. E a outra, e a mais importante, é insistir com seu parceiro para fazer o teste. As doenças sexualmente transmissíveis aumentam o risco de contrair o HIV.

Este ano, o Diretor-Geral da OMS, Dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus, participará de eventos em Ruanda.

O artigo acima é apenas para fins informativos e não se destina a substituir o conselho médico profissional. Sempre procure a orientação de seu médico ou outro profissional de saúde qualificado para qualquer dúvida que possa ter sobre sua saúde ou condição médica.



palmeira com 3 troncos